Hemorio: orientação após vacina da febre amarela

Data 20/03/2017 09:28:43 | Assunto: Diário Oficial

 Doação só pode ser feita 4 semanas depois da imunização



 

O Hemorio, unidade da Secretaria de Saúde, alerta que é preciso esperar quatro semanas para doar sangue após a aplicação da vacina contra a febre amarela. Diante desse prazo, o hemocentro convoca a população a doar sangue antes de se imunizar. A medida é necessária para que o abastecimento no Estado do Rio de Janeiro não seja prejudicado.

– Essas quatro semanas são necessárias para que o organismo crie anticorpos contra o vírus da febre amarela. Antes desse período, o sangue não é seguro para ser transfundido. Por isso, é de extrema importância que as pessoas doem sangue antes de serem vacinadas – explicou o diretor-geral do Hemorio, Luiz Amorim.

O Hemorio tem capacidade para receber até 400 doadores por dia e abastece emergências dos grandes hospitais da capital fluminense, maternidades e outras unidades de saúde. O hemocentro também envia sangue, quando necessário, para outras cidades. Com a vacinação já iniciada em 25 municípios, a capital deve suprir as necessidades desses locais, que ficarão impedidos de captar sangue em grande quantidade por algumas semanas.

Informações

Quem tomou a vacina contra a febre amarela há mais de quatro semanas, pode doar sangue normalmente. Quem teve a doença também, desde que esteja curado há mais de um ano.

Para doar, é preciso ter entre 16 e 69 anos, pesar mais de 50 kg, estar bem de saúde e portar um documento de identidade oficial com foto. Jovens com 16 e 17 anos só podem doar sangue com autorização dos pais ou responsáveis legais. O modelo da autorização pode ser adquirido no site do Hemorio: www.hemorio.rj.gov.br. Não é necessário estar em jejum, apenas deve-se evitar alimentos gordurosos nas quatro horas que antecedem a doação e bebidas alcoólicas 12 horas antes.

A unidade funciona todos os dias, das 7h às 18h, incluindo sábados, domingos e feriados, na Rua Frei Caneca, n° 8, no centro do Rio. Para informações, o voluntário deve ligar para o Disque Sangue (0800 282 0708), que orienta sobre mais locais de doação.

Leia a notícia no Diário Oficial.





Esta notícia foi publicada na Imprensa Oficial do Estado do Rio de Janeiro
http://www.ioerj.com.br/portal

Endereço desta notícia:
http://www.ioerj.com.br/portal/modules/news/article.php?storyid=7642