Logotipo IOERJPágina Principal
segunda, 28 de setembro de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Procon Estadual descarta mais de 90kg de alimentos impróprios
em 29/05/2020 12:25:43 (109 leituras)


Divulgação

O Procon Estadual do Rio de Janeiro, autarquia vinculada à Secretaria de Estado Desenvolvimento Econômico, realizou nesta quinta-feira (28/05) uma ação de fiscalização em 10 estabelecimentos na Zona Norte da capital, região metropolitana e Baixada Fluminense. A operação aconteceu para apurar a denúncias diversas, principalmente de abusividade no aumento de preços. Dos 10 supermercados fiscalizados, cinco foram autuados e 92kg e 200g de produtos impróprios ao consumo foram descartados. Os fiscais também verificaram irregularidades na manipulação e armazenamento de alimentos, problemas estruturais, preços das sacolas descartáveis, e condições de higiene e de distanciamento recomendadas durante a pandemia de Covid-19.

Nos Supermercados  Multimarket  de Duque de Caxias e de Niterói foram descartados respectivamente 64kg e 6kg e 700g de alimentos impróprios ao consumo, entre farinha, geleia e granulado. Na Casa do Sabão, em Nova Iguaçu, foram descartados 5kg de linguiça e 10 kg de mortadela vencidas e no Mercado São Thiago, em Duque de Caxias, 2kg de brigadeiro e 4kg e 500g de cobertura de bolo. Problemas estruturais, tais como pisos rachados, ralos sem telas de proteção ou não sifonados, ferrugem em portas e prateleiras e fiação e tubulação expostas foram encontrados nesses estabelecimentos e no Supermarket de Belfort Roxo. Com exceção do Multimarket de Caxias, esses mercados também não apresentavam as condições de higiene para prevenção do COVID-19, e na filial de Belfort Roxo do Supermaket também não havia local com água, sabão e papel toalha para higienização das mãos.

Em todos os mercados visitados a fiscalização não conseguiu traçar um comparativo entre os preços praticados atualmente e aqueles praticados antes da pandemia por ausência de documentação pertinente. Todos os estabelecimentos têm 48 horas para enviar as notas fiscais de compra e venda dos produtos, a partir de janeiro de 2020, para a análise e comparação com os preços praticados atualmente.


Locais Fiscalizados:

1. Casa do Sabão – Estrada Governador Leonel Brizola, 1160 – Palhada - Nova Iguaçu
2. Mercado Costa Azul – Av. Presidente Roosevelt, 885 – Vista Alegre – São Gonçalo
3. Mercado São Thiago – Av. Plínio Casado, 143 e 149 – Centro – Duque de Caxias
4. Atacadão – Rua Alan Kardec, 464 – Maria da Luz – Nova Iguaçu
5. Multimarket – Rua Dr. Paulo Cesar, 329 – Santa Rosa – Niterói
6. Supermarket – Av. Joaquim Costa Lima, 2.122, Santa Amélia – Niterói
7. Multimarket – Rua Saldanha Marinho, 16 Parque Senhor do Bomfim – Duque de Caxias
8. Supermarket – Estrada General Castro Guimarães, 771 – Largo da Batalha – Niterói
9. Mundial – Rua Santo Afonso, 300 – Tijuca- Rio de Janeiro
10. Mundial – Av. Vicente de Carvalho, 255 - Vicente de Carvalho – Rio de Janeiro
 

 

 

Imprimir