Logotipo IOERJPágina Principal
quarta, 30 de setembro de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Ministros ingleses vão importar projeto das UPPs
em 12/04/2011 10:10:00 (2257 leituras)


Vanor CorreiaUma comitiva de representantes do governo britânico, incluindo a ministra-adjunta para Segurança e Antiterrorismo, baronesa Pauline Neville-Jones, o ministro-adjunto para Estratégias de Segurança Internacional, Gerald Howarth, e o embaixador do Reino Unido no Brasil, Alan Charlton, visitou nesta segunda-feira (11/4) o Morro dos Prazeres, no centro da cidade. Mais que conhecer a comunidade e o projeto de segurança, a equipe veio ao Brasil aprender a metodologia aplicada pelo programa de pacificação do Governo do Estado.

No país para participar da LAAD – Defence & Security, a maior feira de defesa e segurança da América Latina, a delegação da Agência Britânica de Promoção de Comércio e Investimentos conheceu a sede da Associação de Moradores, onde assistiu a dois curtas-metragens produzidos por jovens que fazem parte do Núcleo de Audiovisual do Instituto Pólen, que promove cursos de qualificação, e a Unidade de Polícia Pacificadora.

A ministra-adjunta para Segurança e Antiterrorismo, a baronesa Pauline Neville-Jones, ficou impressionada com a vista privilegiada de que os moradores do morro dos Prazeres desfrutam – que inclui a Baía de Guanabara, o Corcovado e o Pão de Açúcar – e a variedade de projetos que valorizam o capital humano.

– A comunidade tem uma localização maravilhosa, mas o mais fascinante é ver o desenvolvimento humano e como é possível descobrir talentos através de programas sociais. No Reino Unido, também há nichos em que as condições de vida são degradadas e há extrema violência. Levaremos daqui exemplos de como a intervenção policial e a presença de serviços sociais podem ajudar a proporcionar um futuro digno aos jovens e levar ajuda também a seus pais, para que essas pessoas possam ser inseridas na sociedade em geral – avaliou a baronesa.

O embaixador britânico Alan Charlton parabenizou a iniciativa da associação, que também capacita moradores como guias turísticos.

– O Rio de Janeiro está inserido num cronograma de eventos internacionais enormes e, com certeza, os turistas vão aproveitar a estada para visitar a cidade. A presença do Estado, através da força policial, criou uma atmosfera muito agradável na comunidade. Sem o trabalho da polícia, certamente essa visita e o turismo, que vem crescendo cada vez mais, não seriam possíveis se não houvesse esse trabalho – disse Charlton.

O subcoordenador administrativo da Coordenadoria de Polícia Pacificadora, tenente-coronel Rônal Langres Santana, que liderou a visita, acredita que a interação das esferas federal, estadual e municipal tem garantido credibilidade aos projetos das UPPs e atraído mais investimentos.

– Somar forças na luta pelo mesmo ideal proporciona à comunidade exercer seu verdadeiro estado democrático de direito. Hoje, a credibilidade desse trabalho é constatada in loco, já que qualquer pessoa pode caminhar pelas ruas da comunidade e ver as melhorias já promovidas. O mais gratificante é verificar que hoje os jovens, antes coagidos pelo tráfico, têm alternativa.

A UPP dos morros do Escondidinho e dos Prazeres, inaugurada no dia 25 de fevereiro, é comandada pelo capitão Jeferson Odilon e conta com 180 policiais. Juntamente com o posto das comunidades da Coroa e Fallet-Fogueteiro, atende a população de aproximadamente 20 mil pessoas. Quando a terceira unidade, no Morro da Mineira, for inaugurada no Complexo do São Carlos, cerca de 520 mil pessoas serão beneficiadas num conjunto de 17 bairros, considerando a população do entorno.


Leia esta e outras notícias no Diário Oficial.

Imprimir