Logotipo IOERJPágina Principal
quarta, 23 de setembro de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Instituto do Cérebro receberá recursos para obras
em 18/09/2017 10:18:06 (351 leituras)


 

O presidente Michel Temer, o governador Luiz Fernando Pezão e o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, inauguraram na sexta-feira (15/9) o Centro de Radiocirurgia do Instituto Estadual do Cérebro Paulo Niemeyer (IEC), no Centro do Rio. Durante a visita, o presidente anunciou o aumento do repasse de verbas pelo Governo Federal para a unidade, que receberá mais R$ 25,1 milhões por ano. Além disso, o presidente informou que vai disponibilizar mais verbas para a conclusão das obras do prédio anexo do IEC, cujo projeto inicial prevê 12 andares e 200 novos leitos.

O secretário de Saúde, Luiz Antônio Teixeira Jr., e o diretor médico do instituto, Paulo Niemeyer Filho, apresentaram também o primeiro equipamento de radiocirurgia Gamma Knife a funcionar em uma unidade pública de saúde no país, para tratamento de tumores cerebrais e outras doenças sem necessidade de incisões no crânio. O equipamento foi adquirido com recursos disponibilizados pela Alerj.

– Esse aparelho extraordinário servirá como ponte para melhorar a saúde do Rio e do nosso país e poderá servir de exemplo para outros hospitais. Vamos combinar com o ministro da Saúde para que ele faça uma audiência com o secretário de Saúde, para que possamos concluir as obras dessa unidade. O Estado assumirá uma parte menor e nós um pedaço maior – afirmou o presidente Michel Temer.

O governador ressaltou a importância da união de esforços.

– O secretário fez um verdadeiro milagre à frente da Secretaria de Saúde. Conseguiu bater recorde de atendimentos, mesmo nesse momento de crise do Estado. Somamos forças com a Assembleia, a Câmara Federal, o presidente e a equipe do Governo do Estado, para realizar esse sonho e oferecer aqui no IEC um atendimento de alto nível. Nesse um ano e meio de governo que temos pela frente, tenho certeza que ainda vamos entregar muitas outras realizações juntos – disse o governador Luiz Fernando Pezão.

Mais de 4,5 mil cirurgias

Inaugurado em julho de 2013, o IEC é o primeiro centro voltado ao tratamento de doenças neurocirúrgicas e à área de ensino e pesquisa no país. Em quatro anos, a unidade já realizou mais de 4,5 mil cirurgias, 47 mil consultas e quase 528 mil exames.

– Nada melhor para marcar a saída do Rio da crise que um investimento como esse na saúde. O presidente teve grande sensibilidade em fazer esses investimentos no IEC – ressaltou o secretário de Saúde, Luiz Antônio Teixeira Junior.

Aparelho exclusivo para o tratamento de tumores

O Gamma Knife é um aparelho voltado para o tratamento de tumores cerebrais e outras doenças neurológicas, como o Mal de Parkinson, e utiliza a técnica conhecida como radiocirurgia, uma intervenção cirúrgica com a utilização de radiação, sem a necessidade de incisões. Apenas duas outras unidades de saúde do país possuem o aparelho, ambas particulares.

O projeto inicial do prédio em anexo que está sendo construído no IEC prevê 12 andares, 200 novos leitos de internação, salão de fisioterapia e apartamento para readaptação motora. A unidade terá ainda dois auditórios: um anfiteatro e um espaço multimídia, interligado com o centro cirúrgico, de onde poderão ser feitas conferências durante as cirurgias, em uma espécie de aula ao vivo, com transmissão para qualquer lugar do mundo.

Instalações modernas e projeto inovador

A unidade é equipada com quatro salas cirúrgicas, sendo uma delas híbrida (que conta com um aparelho de ressonância dentro do centro cirúrgico e é única na rede pública no país), cinco leitos de recuperação pós-anestésica, equipamentos de Ressonância Magnética, Tomografia Computadorizada, Hemodinâmica Cerebral de alta definição, Vídeo-eletroencefalograma, e ainda laboratórios de Biologia Molecular, de Neuropatologia e de Biomedicina do Cérebro, laboratório de análises clínicas e demais serviços auxiliares de diagnóstico e terapia.

 As salas cirúrgicas são informatizadas e dotadas com neuronavegadores, equipamentos usados durante a cirurgia para localizar lesões profundas e capazes de fazer uma leitura tridimensional do cérebro, indicando com precisão milimétrica o local afetado. A unidade atende nas especialidades de neurocirurgia adulto e pediátrica, neuroendocrinologia, movimentos involuntários (Parkinson), epilepsia adulto e pediátrica, neurovascular, neurointensivismo e neurofisioterapia.

– Esse projeto é a esperança de podermos atender à população em condições ainda melhores. Temos no instituto equipamentos que não são encontrados reunidos em nenhuma unidade de saúde. Viemos preencher uma lacuna na rede pública – explicou o diretor médico do IEC, Paulo Niemeyer Filho.

A estrutura da unidade conta com um total de 48 leitos de UTI, sendo 40 leitos de Terapia Intensiva Adulto, seis leitos de Terapia Intensiva Pediátrica e dois leitos no Centro de Epilepsia, além da estrutura ambulatorial composta de brinquedoteca e nove consultórios.

 O instituto realiza ainda o Projeto de Acolhimento a Bebês com Microcefalia, que realiza o diagnóstico de crianças expostas ao Zika Vírus. O serviço é pioneiro no país e oferece um diagnóstico completo.

O processo ocorre de forma totalmente individualizada, o que é crucial para o encaminhamento do tratamento mais adequado para cada um. Após receberem o resultado, os bebês são encaminhados para os municípios de origem onde devem realizar o acompanhamento ambulatorial necessário na rede municipal de saúde. O objetivo é que as crianças possam ser cuidadas o mais perto possível de suas residências, para facilitar o acesso às consultas ambulatoriais. Desde o início do serviço até julho de 2017, cerca de 450 crianças foram atendidas no ambulatório.

Leia a notícia no Diário Oficial.

Imprimir