Logotipo IOERJPágina Principal
terça, 29 de setembro de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Petrópolis recebe a primeira edição do Detran Presente
em 09/05/2017 09:16:31 (409 leituras)


 

Petrópolis foi a primeira cidade do estado a receber o Detran Presente. No sábado (6/5), 676 cidadãos petropolitanos tiveram suas solicitações atendidas pelos mais de 120 funcionários do Departamento de Trânsito do Estado do Rio de Janeiro (Detran-RJ) no Ciep Cecília Meireles, em Corrêas. O evento ajudou a minimizar a demanda dos moradores da região, principalmente em serviços para automóveis.

 – O Detran Presente tem apenas um objetivo: facilitar e melhorar a vida do contribuinte, trazendo serviços importantes para perto do cidadão, com qualidade, segurança e agilidade. Queremos oferecer cada vez mais modernidade e melhores serviços – destacou Vinicius Farah, presidente do Detran-RJ.

Os moradores de Petrópolis compareceram ao Detran Presente tanto para retirar documentos quanto para regularizar a situação dos seus automóveis. Somente no sábado, foram solicitadas 220 identidades no setor de Identificação Civil. A equipe da habilitação fez 71 atendimentos. O serviço de vistoria de automóveis foi o mais procurado, com 325 vistorias realizadas. Os serviços das Juntas Administrativas de Recursos de Infrações (JARIs) tiveram 60 solicitações.

Outros municípios

O Detran Presente tem o objetivo de oferecer inúmeros serviços do Detran-RJ num mesmo local e em um só dia para melhorar a prestação de serviços oferecidos para a população. Depois de Petrópolis, até julho, o projeto vai passar por outros cinco municípios: Saquarema, Duque de Caxias, Três Rios, Sapucaia e Vassouras. Até o fim do ano, outras cidades também serão beneficiadas pelo projeto. O Detran Presente em Saquarema será realizado no dia 20 de maio, em um sábado.

Em um único local, o cidadão pode realizar a vistoria anual de seu veículo, retirar sua carteira de identificação, renovar a Carteira Nacional de Habilitação, além de abrir recursos contra multas e processo de suspensão. Confira a lista completa dos serviços oferecidos no www.detran.rj.gov.br.

A população tem à disposição curso de mecânica para mulheres e palestras.

População de Petrópolis aprova projeto do Detran



Os petropolitanos que participaram do Detran Presente aprovaram a qualidade dos serviços prestados. A ouvidoria realizou pesquisa de satisfação com 256 cidadãos, e 99% consideraram os serviços como de ótima qualidade. O restante classificou o trabalho como bom.  A coordenadoria de Educação no Trânsito atendeu mais de 330 pessoas com informações educativas.

A cliente Cintia Marques esteve na ação em Petrópolis junto com a filha Maria Clara e fez questão de conversar com o presidente, Vinicius Farah, para agradecer pelo serviço prestado.

– Fui atendida na hora e só não tive meu documento emitido hoje por um erro meu, porque minha placa não está legal – disse Cíntia. 

Luiz Felipe de Oliveira também ficou satisfeito com a iniciativa do Detran e aproveitou para regularizar o carro.

– Não consegui agendar e resolvi perguntar como poderia marcar para uma data próxima. Fiquei surpreso ao ser informado que poderia fazer a vistoria hoje e já liguei para o meu pai para ele vir fazer no carro dele também. Foi uma mão na roda – afirmou Luiz.

Maio Amarelo

Além do início do Detran Presente, maio também é o mês de conscientização mundial para a diminuição de acidentes de trânsito. E o Detran-RJ realizará ações educativas em escolas e em pontos estratégicos durante todo o mês.

No Estado do Rio, só em 2016, 36.726 pessoas foram vítimas, entre feridos e mortos, nas estradas e ruas, de acordo com os dados do Detran e do Instituto de Segurança Pública (ISP). No Brasil, a taxa é de 23,4 mortes no trânsito para cada 100 mil habitantes, segundo estimativas divulgadas pela  Organização Mundial de Saúde (OMS) no ano passado.

O país registrou ainda o quarto pior desempenho do continente americano, atrás de Belize, República Dominicana e Venezuela – campeã de acidentes na região com 45,1 mortes por 100 mil habitantes. Até 2030, a OMS estima que o número de mortos nas estradas em todo o mundo poderá chegar a 1 milhão por ano.

Leia a notícia no Diário Oficial.

Imprimir