Logotipo IOERJPágina Principal
segunda, 6 de julho de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Hospital da Criança ganha prêmio em ortopedia
em 26/09/2016 09:39:06 (422 leituras)


 

O sucesso da utilização de uma nova técnica desenvolvida a partir de uma cirurgia geralmente usada para corrigir deformidades ósseas sem discrepância rendeu a três médicos do Hospital Estadual da Criança (HEC), em Vila Valqueire, um prêmio no Congresso Brasileiro de Reconstrução e Alongamento Ósseo, realizado em Belém. Com o trabalho Osteotomia Clamshell Associada a Alongamento sobre Haste, os especialistas mostraram como desenvolveram a técnica que permite correções de deformidades ósseas associadas a discrepâncias dos membros inferiores, além de possibilitar a redução do tempo de uso do fixador externo pelos pacientes.

– O reconhecimento nacional de um trabalho desenvolvido em uma unidade pública da rede estadual é importante, porque nos mostra que estamos no caminho certo para oferecer à população o atendimento que todos merecem. O Hospital da Criança é a única unidade do Rio entre os dez melhores hospitais públicos do país – explicou o secretário de Saúde, Luiz Antônio Teixeira Jr.

O congresso que reuniu especialistas em ortopedia é um dos mais importantes encontros da comunidade médica no Brasil.

Osteotomia

O trabalho desenvolvido pelos cirurgiões ortopedistas Maurílio Mendes, Rodrigo Mota e André Perin Shecaira foi baseado em quatro casos de pacientes do Hospital Estadual da Criança que apresentavam diferenças de comprimento entre os membros inferiores, associadas a deformidade óssea da tíbia ou fêmur, ocasionadas por algum tipo de trauma. A osteotomia só pode ser utilizada em pacientes com maturidade esquelética, ou seja, a partir dos 16 anos.

A primeira cirurgia analisada para o trabalho ocorreu em 2014, com um paciente de 16 anos, vítima de um acidente de moto e que teve consolidação viciosa do fêmur, resultando a redução do comprimento do membro. Atualmente, o paciente tem os membros alinhados e todos os movimentos restaurados.

Leia a notícia no Diário Oficial.

Imprimir