Logotipo IOERJPágina Principal
terça, 29 de setembro de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Profissionais da Saúde fazem capacitação para eventos esportivos
em 12/01/2012 15:00:00 (1406 leituras)


Uma equipe de seis profissionais da Secretaria de Saúde embarcou esta semana para Baltimore, nos Estados Unidos, para participar de capacitação em normas, protocolos e diretrizes do Shock Trauma Center Adams Cowley, o Centro de Trauma da Universidade de Maryland. A unidade é referência para o atendimento ao presidente norte-americano Barack Obama em casos de emergências. A viagem faz parte da preparação da secretaria para a Copa do Mundo e Olimpíadas de 2016.

- Esses profissionais serão capacitados para melhorar a gestão no trauma, montar equipes e acompanhar pacientes, entre outros procedimentos - disse Ana Lúcia Neves, subsecretária de Unidades Próprias da Secretaria de Saúde.

Além dos seis enfermeiros que embarcaram na última terça-feira (10/1), outros 11 médicos vão viajar na próxima semana para fazer a capacitação. Os profissionais foram selecionados de acordo com a experiência na área de traumas e por ter vínculo com unidade de saúde estadual.

A expectativa é que o grupo implemente o atendimento de alta qualidade aos pacientes politraumatizados do primeiro Centro de Trauma do Estado do Rio, no Hospital Estadual Alberto Torres, e ajude na criação de outros três centros, nos hospitais Albert Schweitzer, Getúlio Vargas e Adão Pereira Nunes.

O convênio foi assinado pelo secretário de Saúde, Sérgio Côrtes, no  fim de 2010. Em 2011, uma equipe da secretaria esteve em Baltimore e, no segundo semestre, foi a vez de a equipe norte-americana vir ao Rio de Janeiro.




Estados terão UPAs para atendimento durante o Mundial

Em outubro de 2011, o Rio de Janeiro recebeu pela primeira vez os integrantes da Câmara Temática da Saúde para a Copa de 2014, com objetivo de dar continuidade à elaboração do plano de ação em Assistência e Vigilância em Saúde para o evento esportivo.

O grupo é formado por representantes do Ministério da Saúde, Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e das cidades e estados que receberão os jogos. A Câmara decidiu que o modelo das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), criado em 2007 pelo Governo do Estado, será levado para outras regiões do País, dando suporte nos atendimentos de urgência a emergência durante o grande evento.

Imprimir