Logotipo IOERJPágina Principal
segunda, 6 de julho de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Degase vai implantar turmas de judô para meninas
em 06/09/2016 09:30:28 (536 leituras)


 

O judô vai ganhar casa nova na Escola João Luiz Alves, unidade de internação provisória do Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Novo Degase), na Ilha do Governador. O projeto, que teve início em março deste ano, receberá nova sala para a prática da modalidade.  A novidade ficará por conta de turmas de judô feminino, uma solicitação das menores em cumprimento de medidas socioeducativas.

O novo espaço, com cerca de 150 metros quadrados, teve o telhado reformado e recebeu pintura. A ação é uma parceria entre o órgão, a Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude, por meio do Caminho Melhor Jovem (CMJ), e o Instituto Reação.

– Até a primeira quinzena de outubro, vamos inaugurar a sala de judô nesta unidade do Degase, inclusive com novos tatames – disse o secretário de Esporte, Lazer e Juventude, Marco Antônio Cabral.

Com 80 alunos, a iniciativa conta com dois professores e um coordenador, que ministram as aulas de judô três vezes por semana em dois turnos – manhã e tarde. Com a sala maior e equipamentos, a expectativa é que o número de jovens interessados na arte marcial chegue a 100.

Campeão

Medalhista de bronze em Atenas (2004) e fundador do Instituto Reação, local que revelou Rafaela Silva, medalha de ouro nos Jogos Rio 2016, Flávio Canto lembrou que a conquista da judoca é motivo de inspiração para os jovens em cumprimento de medidas socioeducativas do Degase.

– Esse ouro da Rafaela Silva é muito simbólico e demonstra para esses meninos e meninas que o esporte é um caminho transformador de vidas. Em seis meses deste núcleo, já podemos perceber um novo olhar dos jovens. A nova sala traz a possibilidade de atender mais gente – explicou Flávio Canto.

Segundo o diretor-geral do Degase, é notável a mudança no comportamento dos alunos desde o início do projeto.

– De uma forma simples, é possível transmitir valores e propósitos aos jovens do departamento – afirmou Alexandre Azevedo.

Leia a notícia no Diário Oficial.

Imprimir