Logotipo IOERJPágina Principal
quinta, 1 de outubro de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Comunidades pacificadas ganham espaços de prevenção à violência
em 06/01/2012 09:23:55 (2168 leituras)



As comunidades que já contam com Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) vão receber 19 Núcleos de Prevenção à Violência e Promoção da Segurança. Os espaços vão reforçar ações para a implementação de projetos de cidadania, segurança e convivência pacífica entre os moradores. A coordenação da iniciativa é da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, que por meio do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci), do Ministério da Justiça, receberá do governo federal R$20 milhões para a execução do projeto. A primeira parcela do convênio, de R$12 milhões, foi liberada esta semana.

A assinatura para a implantação dos núcleos da Justiça, José Eduardo Cardozo, pela secretária Nacional de Segurança Pública, Regina Miki, pelo governador Sérgio Cabral e pelo secretário de Assistência Social e Direitos Humanos, Rodrigo Neves.

- Este programa será implantado em caráter piloto no Rio de Janeiro para que possa ser multiplicado para outras regiões do País. Cada núcleo vai contar com uma equipe multidisciplinar que fará o diagnóstico, a mediação dos conflitos e a promoção dos direitos humanos. A participação dos moradores será estimulada para que possamos reduzir ainda mais os índices de criminalidade - afirmou Rodrigo Neves.




Comunidade participará de plano de ações locais

Os núcleos ficarão à frente da elaboração do Plano Local de Prevenção à Violência e Promoção da Segurança, que terá a participação da comunidade, profissionais de segurança e gestores locais. O trabalho destes gestores será coordenado por um comitê, cujos integrantes serão selecionados por chamada pública. A ideia é encaminhar as demandas das comunidades ao Comitê Executivo de Políticas Sociais nos Territórios Pacificados.

Imprimir