Logotipo IOERJPágina Principal
quinta, 14 de novembro de 2019
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Estado cria normas técnicas para uso de asfalto-borracha
em 10/05/2016 09:23:35 (400 leituras)




O Rio de Janeiro lançou normas técnicas para uso do asfalto-borracha em rodovias do estado. Semelhantes às regulamentações internacionais, as novas especificações definem padrões de qualidade e performance do material e mudam a classificação dos ligantes asfálticos.

A RJ-122 foi primeira rodovia estadual a ser pavimentada pelo DER-RJ (Departamento de Estradas de Rodagem) com asfaltoborracha, no trecho entre Cachoeiras de Macacu e Guapimirim, na Região Metropolitana, em 2011. A nova legislação foi publicada quatro anos depois para que o DER-RJ avaliasse durabilidade, segurança e redução de ruído pelo uso do material.

“Nesses cinco anos, observamos a adequação do asfalto-borracha às condições da estrada. O Decreto nº 43.086, de 18 de julho de 2011, define a política pública estadual para o uso do produto em rodovias e obras rodoviárias, definindo parâmetros de qualidade, perspectivas e a performance do material em função do clima e da carga de trânsito de cada via”, afirmou o presidente do DER, Ângelo Monteiro.

O serviço na RJ-122 seguiu o mesmo padrão aplicado nos Estados Unidos, o que garantiu, em 2012, o prêmio da Federação Internacional de Rodovias pela melhor obra de conservação do mundo, graças à qualidade do serviço realizado.

Nas intervenções aplicadas às RJs 145, 125 e 151, o órgão adotou um processo similar, em que a borracha é misturada a polímeros e incorporada ao asfalto durante a obra, com a finalidade de atender às especificações técnicas de cada via. Monteiro explicou que as informações sobre o produto estão disponíveis no site do órgão (www.der.rj.gov.br), e que a tecnologia é compartilhada com as concessionárias que atuam em obras nas estradas estaduais.

“Todas as vezes que entendermos que a solução do problema do pavimento requer o asfalto-borracha, vamos usá-lo. O Governo do Rio quer incentivar todos os setores a utilizarem esse produto, aplicando novas tecnologias para que possamos evoluir com o uso do material, melhorando ainda mais sua performance”,  disse Monteiro.

CONTINUA NA PÁGINA 4 

Leia a notícia no Diário Oficial.

Imprimir