Logotipo IOERJPágina Principal
sexta, 18 de setembro de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Negócios em comunidades com UPPs se destacam
em 17/12/2015 10:08:55 (579 leituras)



O Bistrô Estação R & R já virou um ponto turístico na comunidade Nova Brasília, no Complexo do Alemão. Inaugurado em 2013, hoje o espaço vende 300 rótulos de cervejas do mundo todo, e um em especial: a cerveja artesanal Complexo do Alemão, idealizada há um ano por Marcelo Ramos, dono do local. Marcelo e o sogro, Gabriel Romualdo, foram os grandes vencedores do Prêmio Empreendedor 2015, promovido pela AgeRio (Agência Estadual de Fomento): conquistaram a categoria principal Negócio de Sucesso, com prêmio de R$ 10 mil, e o primeiro lugar em Negócio Criativo, prêmio de R$ 8 mil. Desde que o bistrô foi aberto, eles fizeram duas solicitações de crédito, de R$ 8 mil e R$ 15 mil.

“Começamos na garagem do meu sogro e usamos o dinheiro dos empréstimos para deixar o espaço aconchegante para moradores e turistas. As orientações da AgeRio e do Sebrae sobre como administrar o negócio foram fundamentais para crescermos e, hoje, minha cerveja leva o nome da comunidade a vários lugares”, contou Ramos, que há um mês abriu uma filial em um shopping. 


O presidente da AgeRio, Domingos Vargas, ressaltou que as diretrizes e o acompanhamento das empresas são fundamentais para a sustentabilidade do negócio.


“Atuamos com empreendedores de comunidades para que gerem emprego e renda. Com o crédito, eles conseguem empreender com juros muito baratos e sabem que precisam administrar bem o empreendimento, fazer economia e cumprir os compromissos. Assim, agregamos valor ao negócio cada vez que fazemos um financiamento”, afirmou Vargas.


Cestas e roupas no Batan


Moradora da comunidade do Batan, em Realengo, Gabriella Nery é uma empreendedora nata. Aos 24 anos, já criou duas empresas e pensa em expandir os negócios com os R$ 8 mil que ganhou com o primeiro lugar na categoria Jovem Empreendedor.

Em agosto de 2014, com a ajuda do noivo, ela abriu a loja Cesta Básica Estrela de Davi, na comunidade. Em outubro deste ano, solicitou crédito de R$ 2 mil à AgeRio e começou a Fashion Nery, venda on-line de roupas femininas e acessórios. Hoje, além do Batan, tem clientes em Miguel Pereira, na Região Serrana.


“Pretendo solicitar mais um empréstimo e juntar com o valor do prêmio para investir nas duas lojas. E quero continuar participando de palestras e cursos do Sebrae, que têm me ajudado a organizar os negócios”,  disse Gabriella.


Leia a notícia no Diário Oficial

Imprimir