Logotipo IOERJPágina Principal
domingo, 20 de setembro de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Projetos e ações estaduais beneficiam o Complexo da Maré
em 22/05/2015 09:38:08 (803 leituras)



Durante o Fórum Articula Maré, o governador destacou também as ações da Agência Estadual de Fomento (AgeRio). O Programa de Microcrédito Produtivo Orientado  já realizou 1,7 mil operações e mais de R$ 6,5 milhões em crédito foram liberados no complexo de comunidades.

“São recursos que estão permitindo aos empreendedores locais desenvolverem seus negócios”, explicou Pezão.

O governador ressaltou  ainda o esforço estadual para garantir a pacificação na Maré e sua importância para tornar viável a entrada de serviços no conjunto de comunidades.

“O Complexo da Maré será um grande desafio para nós, são mais de 129 mil pessoas vivendo na região. Tenho permanentemente conversado com o Exército, agradecido pela ajuda em ocupar a localidade onde tínhamos dificuldades para entrar com serviços. Queremos que a ocupação sirva de modelo para outras futuras ocupações”, disse o governador.

A Polícia Militar assumiu o policiamento das comunidades da Praia de Ramos e Roquette Pinto, na Maré, em abril. No início deste mês, a PM passou a patrulhar também as comunidades Rubens Vaz, Nova Maré, Nova Holanda e Parque União.

A transição das tropas está acontecendo de acordo com o que foi determinado em decreto firmado com as forças federais. Até 30 de junho, a Força de Pacificação já terá deixado todas as 16 comunidades da Maré. A previsão é de que 1,6 mil PMs atuem nas 4 UPPs que atenderão ao complexo.

Desde que a PM ocupou a região, 30 pessoas foram detidas e 6 menores apreendidos. Além disso, 13 carros e 15 motos foram recuperados. Houve apreensão também de 34 armas, 5 granadas, munições e uma grande quantidade de drogas.

Tratamento de água

A Maré vai receber uma galeria de cintura, interligando as redes coletoras existentes na área. O objetivo será garantir a coleta de todo o esgoto produzido por cerca de cem mil habitantes de diversas áreas.

As seis elevatórias da Maré serão substituídas por uma de grande porte. Os troncos coletores transportarão os esgotos sanitários até a nova estação elevatória de esgotos. Ela será construída em um trecho próximo às linhas Amarela e Vermelha, evitando seu lançamento nas galerias pluviais e rios. O prazo para a conclusão do conjunto de obras é de 48 meses.

A Cedae já realizou intervenções em comunidades como Baixa do Sapateiro, Morro do Timbau, Praia de Ramos e Roquette Pinto. Entre os serviços estão rede distribuidora de água, ligações domiciliares, reforma de reservatório e estação elevatória, instalação de caixas d´água e cadastros residenciais.

Outras iniciativas:

Saúde

A UPA da Maré, primeira a ser implantada pelo Governo do Estado, já realizou quase 900 mil atendimentos e 520 exames desde a inauguração. Mais de 9 milhões de medicamentos foram distribuídos.

Cultura

A Secretaria de Cultura mediou a negociação com o Grupo Libra, dono do espaço utilizado pelo Museu da Maré, e garantiu a permanência do equipamento na comunidade por mais um ano. O Governo do Rio buscará um terreno para permutar com o Grupo Libra, garantindo ao museu sua sede definitiva.

Esporte

Prevista para ser inaugurada ainda este mês, a escolinha de MMA José Aldo atenderá cerca de 600 alunos, entre 8 a 16 anos, que terão aulas de Judô, Jiu-Jítsu, Boxe e Luta Olímpica. As aulas serão diárias, das 8h às 17h. O complexo ganhará também, em junho, uma academia ao ar livre, com aparelhos e atividades totalmente gratuitas. Os equipamentos serão instalados na comunidade Salsa e Merengue.


Leia a notícia no Diário Oficial

Imprimir