Logotipo IOERJPágina Principal
quinta, 1 de outubro de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Estado do Rio e Governo da China fortalecem parcerias
em 21/05/2015 09:21:00 (749 leituras)



O governador Luiz Fernando Pezão e o primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, fizeram, ontem, um passeio pela Baía de Guanabara a bordo do novo catamarã Pão de Açúcar, que foi fabricado na China e entrou em operação no Rio em março. Antes, as autoridades visitaram o Centro Administrativo do MetrôRio, na Cidade Nova, e a Exposição de Equipamentos e Manufaturados da China, no Píer Mauá.

O passeio contou com a participação de autoridades chinesas e brasileiras, como os ministros das Comunicações, Ricardo Berzoini, de Minas e Energia, Eduardo Braga, e das Relações Exteriores, embaixador Mauro Vieira, além de empresários. O grupo conversou sobre as possibilidades de estreitar as relações comerciais entre Brasil e China.

“O Brasil é um país que se desenvolve rapidamente e necessita de grande quantidade de equipamentos para obras de mobilidade e de infraestrutura. Por isso, vamos estabelecer uma cooperação de capacidade produtiva para aproximar ainda mais os países. Também queremos instalar fábricas e linhas de produção no Rio para criar mais empregos e fomentar a economia”, disse Li Keqiang.

O governador aproveitou a oportunidade para apresentar aos visitantes o potencial econômico e industrial fluminense.

“O Rio reúne todas as condições para ampliar a presença de empresas chinesas. O estado possui logística eficiente, mão de obra qualificada, incentivos fiscais e tributários competitivos e localização estratégica”, afirmou Pezão.

Relações comerciais

Em discurso, Pezão reconheceu a contribuição da China para a modernização do sistema de mobilidade.

“Os 100 trens para a SuperVia e os 34 para o metrô, além das sete barcas da China, são equipamentos modernos, comercializados a um preço competitivo e que estão sendo entregues em tempo recorde. Além disso, a China é um dos maiores parceiros comerciais do Rio. Segundo o Ministério do Desenvolvimento, entre 2004 e 2014, a corrente comercial entre o Rio e a China cresceu mais de 800%, chegando a quase 40 bilhões de dólares”, disse o governador.

Pezão afirmou que espera a participação da China nos projetos de Parcerias Público-Privada (PPPs) e destacou a parceria em Educação através da escola Intercultural Brasil-China, em Niterói.


Leia a notícia no Diário Oficial

Imprimir