Logotipo IOERJPágina Principal
quarta, 30 de setembro de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Operação Lapa Presente reduz casos de furto e roubo em mais de 40
em 27/04/2015 09:41:02 (710 leituras)


As ocorrências de roubos e furtos caíram mais de 40% na região do Rio Antigo, no primeiro ano da Operação Lapa Presente (OLP), da Secretaria de Governo. Entre janeiro e dezembro de 2014, foram 265 casos de roubos, contra 505, em 2013, ou seja, uma queda de 48%. Os furtos também apresentaram redução de 41%, passando de 1.226, em 2013, para 724 casos, em 2014.


 “A Operação Lapa Presente consolidou-se como importante ferramenta de combate à criminalidade, reduzindo de forma expressiva roubos e furtos na região do Rio Antigo. Boa parte deste sucesso está relacionada com a participação efetiva da população. Diante dos excelentes resultados, determinei que fosse feito um estudo de viabilidade para que possamos avançar com o programa para pelo menos outras duas regiões da cidade. Em princípio, Méier e Madureira seriam os bairros contemplados” afirmou o governador Luiz Fernando Pezão.

 A Operação Lapa Presente prendeu 2.883 pessoas entre 1º de janeiro de 2014 e a madrugada do dia 22 deste mês. Destas prisões, 1.922 foram por posse de drogas, 106 por tráfico, 214 por roubo ou furto, 34 por porte de arma branca, 17 por porte de arma de fogo e 590 por outros motivos. Além disso, os agentes realizaram 60 apreensões de drogas.

 No mesmo período, foram cumpridos 215 mandados de prisão, sendo 116 por roubo, 58 por furto, 11 por homicídio e 30 por tráfico de drogas. Ao todo, 14.297 pessoas foram recolhidas pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social. Destes, 3.608 são menores de idade. Cento e quarenta e cinco veículos foram rebocados. O Disque Lapa Presente (97954-2424 e 97954-2525) recebeu 1.714 ligações.

 

Resultados expressivos

 

 “Nesses 15 meses, temos conquistado uma maior interação positiva com moradores e frequentadores da Lapa. A participação nos conselhos comunitários de segurança nos dá também um termômetro sobre nossa atuação, além das ações em conjunto com a Polícia Civil, por meio do Disque Lapa, que têm ajudado a fazer da OLP uma ação bem-sucedida” disse o coordenador da OLP, capitão Leonardo Laureano.

 

 

Maior segurança na Região do Rio Antigo

 

No primeiro trimestre deste ano, o índice de pessoas presas por tráfico cresceu 157% (36), se comparado com o mesmo período de 2014 (14). Por outro lado, os casos de posse de drogas para consumo caiu 48%, de 575 para 300, entre janeiro e março.

“Os frequentadores da Lapa sabem da ostensividade da nossa atuação, o que se reflete na queda do número de pessoas presas por posse de drogas para consumo. Do mesmo modo, a abrangência da atuação dos nossos agentes nos permite repreender mais o tráfico, por isso o aumento de pessoas presas por este crime” explicou o capitão Laureano. 

Ainda nos três primeiros meses de 2015, a OLP registrou quedas de 31% no número de pessoas presas por porte de arma branca; de 33% por porte de arma de fogo; e de 52% nas apreensões de drogas. As ocorrências de roubo e furto cresceram 25%, saindo de 56 para 70, no primeiro trimestre.

 A OLP foi criada para garantir a segurança na Região do Rio Antigo.

 

Leia a matéria no Diário Oficial 
Imprimir