Logotipo IOERJPágina Principal
quinta, 1 de outubro de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Estado participa de feira internacional de defesa e segurança
em 15/04/2015 09:31:40 (713 leituras)


 A décima edição da LAAD Defence & Security, a mais importante feira de Defesa e Segurança da América Latina, foi aberta ontem no Riocentro, na Zona Oeste. O evento internacional, que divulga as novas tecnologias em equipamentos de ponta e serviços na área de Segurança Pública e corporativa, conta com a participação do Governo do Estado.  No evento, as polícias Militar e Civil apresentam aos visitantes algumas das tecnologias que fazem parte dos investimentos com foco nos grandes eventos. A feira vai até sexta-feira (17/4). 


A Polícia Militar exibe uma das Plataformas de Observação Elevada (POE) usadas para monitorar eventos de grande porte na parte externa da feira. A tecnologia utiliza câmeras de alta definição e precisão. No total, seis câmeras são acionadas para garantir que policiais possam obter informações para agir em situações de crise.

Ferramenta de monitoramento

“A plataforma é a ferramenta utilizada para o monitoramento de grandes massas, partidas de futebol e eventos com multidão. Ultimamente, a tecnologia tem sido usada também nos processos de ocupação onde os policiais têm que ter uma resposta de inteligência sobre estes territórios. No total, seis câmeras ficam em um mastro e são acionadas por agentes que monitoram tudo de dentro de um caminhão adaptado para este uso”,  afirmou o PM Diogo Brito dos Santos.

Na parte externa do evento também é possível conhecer o helicóptero multimissão EC 145 que será usado pela PM. Com farol de busca, sistema de visão noturna, kit rappel, entre outros itens, a aeronave utiliza tecnologia de ponta.  

A Polícia Civil também montou um stand para divulgar o trabalho realizado pela instituição e apresentar alguns dos novos armamentos adquiridos pela corporação. Além destes equipamentos,  o visitante poderá conhecer os robôs usados em ações de desarmamento de explosivos, além das roupas de proteção utilizadas pelos agentes em situações de risco.

“Nosso foco é mostrar a parte investigativa e pericial que o cidadão nem sempre conhece”, disse o investigador Luiz Araújo.

A feira reúne mais de 700 expositores nacionais e internacionais.

 

Leia a matéria no Diário Oficial 
Imprimir