Logotipo IOERJPágina Principal
terça, 29 de setembro de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Estado lança plano para reduzir riscos de desastres
em 29/11/2013 11:26:31 (647 leituras)



O Governo do Estado lançou ontem o Plano Estadual de Proteção e Defesa Civil, que tem como objetivo planejar, coordenar e promover ações que reduzam os riscos de desastres. O documento reúne um conjunto de procedimentos e ações para atender emergências e definir recursos humanos e materiais, além de equipamentos complementares, para prevenção, controle e enfrentamento de possíveis acidentes.

Entre as ações propostas pelo plano estão a preparação das comunidades, a pronta resposta nas ações de socorro, a assistência humanitária das populações afetadas e a reabilitação inicial dos cenários afetados pelos desastres. De acordo com o secretário de Defesa Civil e comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Sérgio Simões, o plano servirá de base para a elaboração de documentos complementares relacionados ao monitoramento, alerta que visa reduzir danos e prejuízos decorrentes de desastres.

Segundo Simões, é a primeira vez que a Defesa Civil, que hoje completa 30 anos, recebe R$ 50 milhões para investir no sistema de alertas. Atualmente, 54 comunidades contam com o equipamento. Outros 12 municípios devem receber o aparato até janeiro, e 15 cidades serão beneficiadas ao longo de 2014.

“Precisamos ir para as comunidades que sofrem com as encostas para entendermos os problemas”, disse Simões.

Investimentos para reconstrução de cidades

O vice-governador e coordenador de Infraestrutura, Luiz Fernando Pezão, apresentou os investimentos realizados para recuperar áreas que foram destruídas com enchentes e desabamentos. De acordo com Pezão, houve investimento de R$ 153,8 milhões em Angra dos Reis, R$ 105 milhões em Niterói, R$ 83 milhões em São Gonçalo e 2,6 bilhões na Região Serrana.

“Temos que tirar as pessoas das áreas de risco e oferecer a elas moradia segura. Este é o grande chamamento que estamos fazendo com este plano”, explicou Pezão.

O secretário municipal de Defesa Civil de Nova Friburgo, coronel João Paulo Mori, afirmou que a ajuda do Governo do Estado foi essencial para a revitalização do município, que foi atingido pelas fortes chuvas de 2011.

“O plano vai ser muito importante para evitar que pessoas sofram em acontecimentos como os de 2011”,  afirmou o coronel.


Leia a matéria no Diário Oficial

Imprimir