Logotipo IOERJPágina Principal
terça, 29 de setembro de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Assentamentos de Petrópolis vão receber máquinas agrícolas
em 26/11/2013 09:47:24 (728 leituras)



A Secretaria de Habitação e o Iterj (Instituto de Terras e Cartografia do Estado do Rio de Janeiro) darão início à segunda etapa do programa Nossa Terra em Petrópolis, na Região Serrana. As comunidades rurais de Brejal, Jacó, Caxambu e Bonfim receberão, juntas, investimentos de R$ 671,2 mil em maquinários e equipamentos, como trator, microtrator, arados e roçadeiras para aumentar a produtividade e gerar mais renda para 292 famílias atendidas pelo programa de regularização fundiária do Governo do Estado.

"O Iterj também investe na orientação e no acompanhamento das plantações, em um trabalho feito por engenheiros e técnicos agrícolas. O objetivo deste programa é assegurar a democratização da terra e fixar o homem no campo com dignidade, qualidade de vida, sustentabilidade e geração de emprego e renda", disse o secretário de Habitação, Rafael Picciani.

As quatro comunidades agrícolas de Petrópolis atendidas pelo Iterj, que reúnem 355 trabalhadores do campo, já receberam investimentos de R$ 253 mil, após serem incluídas no programa de regularização fundiária. Em março, o Iterj entregou 75 toras de madeira (mourões), oito sacos de calcário, um quilo de grampos galvanizados e 250 metros de arame farpado, que foram usados para o preparo e a demarcação das terras.

"Além dos equipamentos, o Iterj também garante o apoio técnico no desenvolvimento dos processos e acompanhamento da produção agrícola nas áreas atendidas, desde o plantio até a colheita. É preciso promover as capacitações necessárias para o uso do maquinário, melhor aproveitamento do solo e, consequentemente, aprimorar a produtividade e gerar mais renda para as famílias", explicou a presidente do Iterj, Mayumi Sone.

De acordo com o vice-presidente da Associação de Produtores Rurais da Comunidade do Bonfim, Robson Batista da Silva, há expectativa de aumento na produtividade com a chegada dos equipamentos.

"Somos 122 famílias e cultivamos hortaliças e temperos verdes, além de flores do campo e frutas. Queremos aumentar em pelo menos 20% a nossa produção e tenho certeza de que faremos bom uso dos equipamentos. Esta iniciativa do Iterj é muito importante para ajudar os agricultores", afirmou Robson Batista da Silva.

Investimento total de R$ 3,3 milhões.

Este ano, o projeto de mecanização agrícola para o apoio à produção no programa Nossa Terra vai repassar 302 equipamentos e implementos agrícolas nos assentamentos atendidos com regularização fundiária pelo Iterj em todo o estado. O investimento total é de R$ 3,3 milhões. No ano passado foram entregues oito caminhões a oito assentamentos, beneficiando 1.340 famílias que passaram a dispensar a figura do atravessador para escoar a produção. Em 2011, o programa já havia cedido 33 microtratores e 15 tratores para 18 assentamentos, em uma ação voltada a geração de renda de 1,8 mil famílias.


Leia a matéria no Diário Oficial

Imprimir