Logotipo IOERJPágina Principal
sábado, 11 de julho de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : CORREÇÃO: Programa Bairro Novo vai asfaltar mais de 1.690 ruas na Baixada Fluminense
em 24/09/2013 10:13:14 (1093 leituras)




Diferentemente do que foi publicado na edição de ontem do Diário Oficial Notícias, o programa Bairro Novo, da Secretaria de Obras, irá asfaltar mais de 1.690 ruas da Baixada Fluminense, e não apenas 156 – número que se refere somente às vias contempladas pelo programa no município de Queimados. As intervenções, que incluem a implantação de drenagem, pavimentação, construção de meio-fio e calçamento, sinalização e arborização em vias urbanas, vão beneficiar os moradores de 13 municípios da Baixada.

A primeira cidade a receber as intervenções do Bairro Novo foi Nova Iguaçu. No bairro Rodilândia, mais da metade das ruas já está asfaltada. O programa também  começou em 29 vias do bairro Figueira 2, em oito ruas do bairro Jacutinga e em 20 ruas dos bairros São Francisco 1 e 2, todos em Nova Iguaçu.

O programa também já está em andamento nos seguintes municípios da Baixada Fluminense: Guapimirim (bairros Citrolândia e Jardim Guapimirim), Magé (Bairro Mauá), São João de Meriti (bairros Jardim Metrópole, Jardim Paraíso e Villar dos Telles), Queimados (bairros Jardim Santa Rosa, Coimbra e Valdariosa), Japeri (bairros Mucajá e Jardim Esperança), Paracambi (Bairro Guarajuba), Seropédica (bairros São Miguel, Boa Esperança,Piranema e Boa Fé) e Itaguaí (Bairro Brisamar). As intervenções ainda serão iniciadas em Duque de Caxias, Belford Roxo, Mesquita e Nilópolis.

Investimento total de R$ 1,23 bilhão

Além dos 13 municípios da Baixada Fluminense, o programa Bairro Novo irá beneficiar outras seis cidades da Região Metropolitana do Rio. O investimento total do Governo do Estado será R$ 1,23 bilhão em obras de infraestrutura. O programa vai contemplar até setembro de 2014 quase 2,3 mil ruas de 19 cidades, que perfazem extensão superior a 720 quilômetros de asfalto. Fora da Baixada, as intervenções já começaram em Niterói, São Gonçalo, Tanguá, Itaboraí e Mangaratiba. As ações também vão acontecer em Maricá.

Leia a matéria no Diário Oficial.

Imprimir