Logotipo IOERJPágina Principal
sábado, 11 de julho de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Polícia Montada investe na compra de animais e novos equipamentos
em 19/09/2013 09:46:01 (2780 leituras)


O Regimento de Polícia Montada (RPMont) investiu na compra de cavalos, equipamentos e aguarda a chegada de novos caminhões e carretas. Desde 2011, 155 equinos foram adquiridos pelo regimento, sendo 89 comprados só este ano. Os animais foram obtidos com recursos de R$ 1.166.800, oriundos da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), por meio da Secretaria de Segurança. O plantel do regimento conta atualmente com 310 animais.

Investimentos em materiais como capacetes com viseira, fardamento para a tropa, além de bastões, botas e esporas, também ocorreram para garantir um melhor desempenho destes policiais militares. A unidade especializada da PM, localizada em Campo Grande, atua em ações de controle de multidão e, desde o início do ano, nas ocupações de comunidades em processo de pacificação.

- Utilizamos o atributo afetivo característico dos cavalos e cavaleiros como elo de aproximação entre os integrantes das áreas pacificadas e a Polícia Militar, assim como os demais órgãos públicos. O contato do animal com crianças, idosos e adultos possibilita um estreitamento dos vínculos e uma facilitação no estabelecimento de laços de confiança - disse o comandante do regimento, tenente-coronel Anderson de Souza Maciel.

Treinamento rigoroso.

A preparação dos cavalos é rigorosa. Segundo o comandante, alguns atributos são treinados coletivamente, como docilidade e transposição de obstáculos urbanos e rurais. Já nas ações de dissuasão, os animais selecionados são preparados para atender ao comando de seu cavaleiro ou amazona. Eles precisam seguir algumas normas para se manter nas formações de choque montado e realizar três andaduras – passo, trote e galope –, conforme necessidade, além de terem que se habituar a ruídos extremos, entre outros treinamentos.

O RPMont também realiza o atendimento terapêutico de crianças, adultos e idosos portadores de necessidades especiais por meio de uma equipe multidisciplinar formada por profissionais voluntários. Em outro projeto de atendimento comunitário,  o Cavaleiro Mirim, crianças de áreas pacificadas visitam o regimento para aprender a melhor forma de cuidar dos animais.

Recursos para equipamentos.

Além do investimento em animais, recursos também têm sido empregados para dar mais agilidade aos deslocamentos de cavalos e tropa. Quatro caminhões para o transporte de equinos e policiais e duas pequenas carretas com capacidade para, no máximo, três animais devem ser entregues até o fim deste ano.

Leia a matéria no Diário Oficial.

Imprimir