Logotipo IOERJPágina Principal
terça, 14 de julho de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Acordo prevê R$ 15 milhões para comunidades rurais
em 11/09/2013 09:51:15 (867 leituras)


O Iterj (Instituto de Terras e Cartografia do Estado do Rio de Janeiro), órgão vinculado à Secretaria de Habitação, assinou acordo de cooperação com o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) para promover o desenvolvimento sustentável de comunidades rurais e urbanas de baixa renda. Com duração de cinco anos, o convênio prevê recursos de R$ 15 milhões.

A ideia é incrementar a capacidade produtiva dos assentamentos rurais, promover o desenvolvimento sustentável das terras e a consequente elevação da renda dos pequenos produtores. O BNDES concederá a colaboração financeira de R$ 7.632.297,00, por meio do Fundo Social (recursos não reembolsáveis). Como contrapartida, o Iterj complementa, em igual valor.

De acordo com o secretário de Habitação, Rafael Picciani, o acordo garante a ampliação do programa, que atualmente atende a 1.762 famílias de agricultores familiares, em um alcance de 8.810 pessoas.

- Nas áreas rurais não basta apenas regularizar a terra, é preciso desenvolver ações que levem o pequeno produtor a permanecer no campo. Isto só é possível a partir do momento em que estas famílias alcançam a autonomia financeira. Para isso, é preciso incentivá-las a produzir de maneira sustentável, reforçando, por exemplo, a entrega de sementes, insumos, maquinários, equipamentos e veículos para o transporte das colheitas - afirmou Picciani. 

Ações sustentáveis estão previstas

A presidente do Iterj, Mayumi Sone, afirmou que o acordo vai melhorar a produtividade dos assentamentos atendidos pelo instituto.

- O convênio vai nos permitir focar na qualidade do trabalho, que tem uma preocupação com ações sustentáveis como reflorestamento das áreas atendidas, plantação livre de agrotóxicos, educação ambiental e implementação de agroflorestas - disse Mayumi.  

Imprimir