Logotipo IOERJPágina Principal
terça, 14 de julho de 2020
Entrar
Usuário:

Senha:

Lembrar-se



Esqueceu a senha?

Notícias
Diário Oficial : Plantio de seringueiras ajuda na preservação
em 09/09/2013 10:10:23 (2703 leituras)


Um projeto da Pesagro-Rio, empresa de pesquisa agropecuária vinculada à Secretaria de Agricultura, de plantio de seringueira consorciado com árvores nativas, pode ser um grande aliado no cumprimento das metas de sequestro de carbono acordadas pelos órgãos ambientais para os Jogos de 2016.

A iniciativa, que integra o Rio Látex, programa visando a criação de agroflorestas para produzir matéria-prima industrial e gerar renda a pequenos produtores rurais, prevê a produção  destas árvores em cinco mil hectares de áreas degradadas do interior fluminense.

De acordo com o pesquisador e coordenador do programa de Heveicultura da Pesagro-

Rio, Aldo Bezerra, o custo para a implantação do projeto deve chegar a R$ 100 milhões.

- A ideia é buscar na iniciativa privada o patrocínio para a viabilização dessas florestas. O plantio e manutenção até o segundo ano envolvem recursos da ordem de R$ 20 mil por hectare. Para isso já temos uma rede de jardins clonais com 20 mil plantas matrizes, distribuídos nas regiões das Baixadas Litorâneas, Norte, Noroeste, Médio Paraíba e Centro-Sul Fluminense - explicou Bezerra.

Produção de mudas será intensificada

O pesquisador acrescentou que, com esta estrutura, já é possível produzir de 300 a 400 mil mudas clonadas de seringueira no primeiro ano e mais de 600 mil a partir do terceiro ano. O total é suficiente para o plantio de 1,2 mil hectares de seringais anualmente ou o dobro, quando consorciada com espécies nativas da Mata Atlântica.

Leia a matéria no Diário Oficial.

Imprimir